in

Luto: Palmeiras anuncia morte de 2 integrantes da equipe vítimas da Covid-19

PUBLICIDADE

Ao contrário do que muita gente pensa e prega a Covid-19 no Brasil continua fazendo milhares de vítimas fatais todos os dias no Brasil.

A pandemia da Covid-19 está longe de ser controlada no Brasil, a grave doença causada pelo novo coronavírus já provocou a morte de quase meio milhão de brasileiros e se o poder público continuar ignorando a tragédia humanitária causada pela SARS-CoV-2, milhares de pessoas vão perder suas vidas.

Na noite deste sábado (12), o Palmeiras, um dos maiores clubes de futebol do Brasil, usou as redes sociais, para anunciar que perdeu mais um membro da equipe para a Covid-19.

O segurana Cristiano Oliveira ao centro teve a morte confirmada na noite deste sbado - Reproduo
O segurança Cristiano Oliveira (ao centro) teve a morte confirmada na noite deste sábado

Trata-se do Cristiano Oliveira, um dos seguranças do clube, ele foi o segundo funcionário do Palmeiras que faleceu por causa do novo coronavírus. Mais cedo o podólogo da equipe do Palmeiras, Edson Silva, teve seu óbito confirmado pelo perfil do ‘Verdão’.

PUBLICIDADE

O Palmeiras entrou em campo hoje para disputar o clássico contra o Corinthians, a partida terminou empatada em 1 a 1. Após o embate, o técnico Abel Braga concedeu uma entrevista coletiva onde começou sua fala homenageando os dois integrantes da equipe alviverde, e prestando condolências às famílias enlutadas.

“Gostaria que minhas primeiras palavras fossem para o Cris e para o Edson. Nós no futebol sempre arranjamos um jeito para encontrar uma solução mas pra morte não há jeito, infelizmente. A única coisa que sabemos que é certa”, disse Abel.

PUBLICIDADE

Ele continuou a falar da perda dos amigos que segundo ele sempre deram o melhor para o Palmeiras e morreram no mesmo dia.

PUBLICIDADE

Via: uol.com.br

Escrito por Fabiana Batista

Jornalista digital, experiência em criação de conteúdo informativo e imparcial. Verdade e liberdade de expressão são essenciais na vida do cidadão.